Sobre mim

A minha foto
Linda-a-Velha, Lisboa, Portugal
Comecei a imaginar e criar a decoração dos meus bolos depois de algumas desilusões com bolos comprados em pastelarias. Nunca me achei uma pessoa especialmente criativa, mas com o incentivo e carinho das pessoas que me rodeiam, essa realidade mudou. Gosto de cozinhar tudo, embora as sobremesas sejam o que me dá mais prazer e gosto de um resultado final impecável A arte de satisfazer o estômago alheio ainda não é uma actividade a tempo inteiro, mas um dia, certamente, será!

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Touradas

De cada vez que alguém diz que gosta de tourada gostava de lhe espetar uma bandarilha nas costas e perguntar se continua a ter a mesma opinião.

2 comentários:

Tânia Saj disse...

Sofia...aqui não temos touradas, mas temos rodeio. Tenho uma foto no meu álbum do orkut de uma faixa pintada por defendores dos animais com a seguinte frase: "AMARRE OS SEUS TESTÍCULOS E SINTA A EMOÇÃO DE UM RODEIO".
Também me questiono até quando os animais terão que sofrer em nome de tradições idiotas.
Bjs

Elvira disse...

Eu gosto de tourada. Não estou a provocar. Gosto de tourada. De corda. À moda da ilha Terceira. Lá, não se pode maltratar os animais. Estes só podem correr durante 20 minutos de 15 em 15 dias. Depois das touradas, os touros são examinados por um veterinário e voltam para as pastagens, felizes. Essas touradas só servem para os criadores mostrarem com orgulho os seus mais belos animais. E a rapaziada corre à frente para agradar às moças. É um espectáculo divertido sem a menor gota de sangue ou violência gratuita. Aliás, não é autorizado de modo algum atirar coisas ao touro ou tentar magoar. Sempre que estou nos Açores, assisto à touradas de corda. :-)

As outras touradas, essas sim, repugnam-me. Sobretudo a tourada à espanhola. Que coisa mais bárbara e feia! :-(

Beijinhos.