Sobre mim

A minha foto
Linda-a-Velha, Lisboa, Portugal
Comecei a imaginar e criar a decoração dos meus bolos depois de algumas desilusões com bolos comprados em pastelarias. Nunca me achei uma pessoa especialmente criativa, mas com o incentivo e carinho das pessoas que me rodeiam, essa realidade mudou. Gosto de cozinhar tudo, embora as sobremesas sejam o que me dá mais prazer e gosto de um resultado final impecável A arte de satisfazer o estômago alheio ainda não é uma actividade a tempo inteiro, mas um dia, certamente, será!

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Antes das oito e meia da manhã

Não sei como, mas hoje todos lá em casa se despacharam cedo, o que deu para nos amontoarmos no sofá a ver desenhos animados antes de sair para a escola e para o trabalho.
Ao sair a porta de casa entramos no mundo das coisas pequeninas e insignificantes que nos irritam até mais não.
Hoje vesti saia e quando cheguei a casa dos meus pais para deixar a minha filha mais velha a minha mãe diz:
- Ai tás tão linda! - aparentemente nada de errado a não ser o tom que era exactamente o mesmo com que ela fala com a minha filha de três anos. GRUMF...
Quando chego à paragem apanho uma conversa entre duas senhoras de meia idade:

- Não, esta é mesmo a minha cor natural.
- Amarelo palha, não é?
- Não. A cabeleireira já me disse que o meu tom é amarelo azeitona.
- Ah!
- Porque é meio esverdeado, sabe.
- ...

Por último, e esta é já depois das 9 horas, não entendo porque é que o mau cheiro emanado por uma só pessoa se sobrepõe ao cheiro a banhinho e perfume das restantes 20 e tal...

Sem comentários: